Você sabe o que é LetterPress?

Em apenas uma linha poderia definir tecnicamente o que significa LetterPress e encerrar este artigo, mas seria injusto com você não explorar este “mundo” e apresentar todas as possibilidades que se abrem ao conhecer de verdade o assunto.

Gosto de definir o Letterpress, como o ato de “imprimir” utilizando a pressão das letras sobre o papel!

Resumo Histórico do LetterPress

A pessoa com os créditos como o criador da técnica LetterPress foi o alemão Johannes Gutenberg no século XV, incluindo uma prensa de impressão de madeira, como é possível ver na ilustração abaixo.

LetterPress História

Hoje falamos em materiais gráficos sofisticados para empresas e negócios, mas era a única forma de impressão existente até o século XIX. Responsável por impressão de livros e outros documentos até a metade do século XX, quando surgiu a impressão offset e se tornou o principal sistema de impressão de grande escala, como livros.

Pensamento: Lembra das famosas máquinas de escrever? Gosto de pensar que o sistema de bater as tipos numa fita e gravar na folha de papel é  maneira semelhante em relação ao LetterPress.

Nos dias de hoje nem preciso falar que foi esquecido pela maioria, já que para imprimir com qualidade, basta ter uma impressora conectada a um computador ou até mesmo um smartphone.

Tenho certeza que muitas pessoas talvez nunca ouviram falar no termo LetterPress. A cultura não foi levada adiante como deveria, já que hoje grande parte das impressões são em escala e com prazos reduzidos, ou seja, para ontem. 😉 Atribuo também à chegada de novas tecnologias.

Características Principais

O LetterPress é um sistema de impressão que fornece resultados incomparáveis e exclusivos. Não significa que é melhor ou pior, apenas diferente.

LetterPress Cartão de Visita

As 03 características principais do LetterPress.

    • Encrespado – Crisp: Gosto de traduzir isso como algo que nos transmite textura única por conta da combinação dos papéis e a própria gravação;
    • Palpável – Tangible: Uma maneira diferente de tocar. Quando você aprecia uma peça em LetterPress, tem uma experiência que apenas este processo oferece;
    • Thickty and Thinty: A mágica acontece, pois é possível notar as diferentes dimensões de profundidade (baixo relevo) no papel.

O LetterPress nos dias de hoje

Quando se fala em Letterpress hoje, posso afirmar que está ligado à materiais de fino acabamento e à apreciação da cultura em gravar tipos num papel.

Criar peças gráficas em Letterpress está longe dos padrões de hoje, que o preço baixo, prazo zero e produção em escala são fatores decisivos para quem “vive de impressão”. Por isso você jamais encontrará uma gráfica trabalhando com este sistema.

LetterPress Brasil

Tá legal Willian, então onde encontro fornecedores para fazer um trabalho como este? Tcharam…

Você encontra ateliês especializados em LetterPress, dirigidos por pessoas que antes de terem um negócio, são apaixonados, respiram e vibram em criar peças exclusivas para clientes que também apreciam a mesma cultura.

Minhas indicações para quem precisa de fornecedores para Letterpress são a LetterPress Brasil, a QStampa e a Carimbo Letterpress.

O sistema de Impressão

Para criar uma peça em LetterPress são utilizados 05 elementos comuns, equipamentomatriz, tinta, papel e um apaixonado. O que o torna especial é o apaixonado. 😉

Selecionei um vídeo que apresenta na prática um processo de impressão LetterPress.

LetterPress na prática

Legal Willian, até aqui você nos contou resumidamente a história do LetterPress, mas qual sua utilidade já que estamos em avanços tecnológicos e praticamente tudo é possível se fazer em uma gráfica numa impressora offset ou até mesmo digital?

Abaixo, listarei as peças mais comuns criadas por ateliês aqui no Brasil.

  • Peças gráficas especiais como cartão de presenças VIPS;
  • Cartões de visitas;
  • Convites de casamento (está bem forte no brasil atualmente);
  • Save the Date;

Cartão de Visitas em LetterPress

Convites de Casamento em LetterPress

Na verdade, idéias é o que não falta para criar belas peças em LetterPress.

Abraços e até a próxima! 😉